Porto Alegre
Local:
Teatro de Arena
Avenida Borges de Medeiros, 835

Horário:
das 14h às 17h
$
Gratuito
Palestra
Seminário Palco Giratório | Encontros Est(é)ticos

Encontros Est(é)ticos: Corpos em Aliança e Redes Festivas
De 20 a 24 de maio de 2019
Local: Teatro de Arena – Porto Alegre
Horário: 14 às 17h
Inscrições: através do e-mail palcogiratoriosesc@sesc-rs.com.br

Em seu quarto ano de existência, o Seminário Palco Giratório no RS, promovido em parceria com o Programa de Pós-graduação em Artes Cênicas da UFRGS, se afirma como um espaço de encontro e reflexão sobre questões urgentes de nosso tempo, articulando práticas cênicas com discussões, conceitos e teorias de outros campos do saber, enfocando a dimensão política e social do fazer artístico.

Em 2019, frente ao agravamento de ameaças à movimentos sociais, culturais, educacionais e artísticos, o Seminário se propõe como afirmação de encontros, de corpos em aliança, da festa, dos cruzamentos de saberes e pessoas, da arte, da cena. Da vida que insiste em continuar. Na maré de lama que nos assola, manter a alegria constitui um desafio – alegria como o que nos permite seguir, como potência de vida, como desobediência ao desânimo. Perceber e fortalecer nossas alianças e redes, escutar, insistir, desviar, inventar. Aprender com outros imaginários, questionar lógicas de pensamento, burlar a programação esperada. Pensar junto, com o corpo, com o outro, imaginar outras possibilidades,compondo alianças e redes que nos fortaleçam.

Conceito e mediação: Patrícia Fagundes (RS)

PROGRAMAÇÃO
20/05 – Imaginários desviantes
José Carlos Dos Anjos (RS) e Veronica Fabrini (SP)
Cosmopolítica afro-brasileira, decolonização, feminismo, outras cenas: narrativas diversas para fomentar outras possibilidades de construção social e artística.

21/05 – Outras narrativas. Palavras na carne
Mel Duarte (SP) e Daniel Munduruku (SP)
Palavras que nos compõem e articulam imaginários para pensar outras realidades possíveis: slam, poesia compartilhada, oralidade, cultura indígena, outras histórias e escutas.

22/05 – Encruzilhadas e transantopologia
Leda Martins (BH) e Atena Beauvoir (RS), participação especial do bailarino Rui Moreira
Encruzilhada como lugar de sentidos plurais, de centramento e descentramento, cultura negra, cruzamento entre práticas e cosmovisões. Transantopologia como uma epistemologia, uma produção intelectual de pessoas trans sobre si, construções de sua própria existência.

23/05 – Criação, gestão, produção. Desafiando a precariedade
Vicente Pereira Jr. (RJ), Luciana Paludo (RS), participação especial do músico Eduardo Pacheco
Economia criativa, produção cultural, nossos modos de criar em meio à adversidade, possibilidades de imaginar continuidades,redes de trabalho.

24/05 – A alegria é uma arma quente
Miss G (PR), Sérgio Lulkin (RS), Thiago Pirajira (RS), participação especial do bloco Turucutá
Para Spinoza, a alegria se relaciona com o aumento de nosso poder de ação e pensamento, nossa potência de vida. Na cultura popular, alegria é condição de existência e sobrevivência- a revolução pelo que a vida pode ser. Carnaval, riso, humor, corpo em festa, burlesco.

Envie para um amigo!

CATEGORIAS
Contato
para dicas:
para anunciar: