Porto Alegre
Horário:
das 16h20 à 01h
$
Grátis
De Rua, Festa, Música
Encruzilhada do Samba + Cumbia na Rua

AONDE? “LOCAL SECRETO”.. A SER DIVULGADO DUAS HORAS ANTES DO EVENTO.

Encruzilhada do Samba + Cumbia na Rua versus criminalização dos movimentos sociais é uma ação cultural em pró dos coletivos criminalizados pela operação Érebo em outubro de 2017.
O Instituto Parrhesia através da Parrhesia Radio Web é a voz de inúmeros coletivos culturais, seja como carro de som ou como mídia alternativa em pró dos movimentos sociais atua na linha critica dos direitos humanos.
O tempo passou e de lá pra cá outros coletivos culturais, vem, sendo criminalizados e perseguidos, enquanto
a “parrhesia”, segue com seus bens e equipamentos como computadores notebooks e telefones apreendidos, o que prejudica e afeta nossa comunicação popular.
Para quem não sabe PARRHESIA significa liberdade de expressão assim como a Encruzilhada do Samba tem seguido na resistência do Samba de Terça.
Mesmo com toda conjuntura desfavorável, e a recente onda de violência praticada por grupos fascistas, nos faz reagir e mandar nossos recado ocupando os espaços públicos do Portinho.
com o mesmo modo operante que a Encruzilhada do Samba, que tem bravamente permanecido na resistência do #sambadeterçanobrooklyn. Nessa pegada Encruzilhada do Samba + Cumbia na Rua é #maiscultura#menosviolencia .
O samba não tem gênero, cor, orientação nem idade, O SAMBA É DIVERSIDADE E RESISTÊNCIA. a Cumbia não tem fronteiras, juntando a fome e a vontade de resistir, estaremos na linha de frente, nessa véspera de eleições, praticando culturas de resistência através da liberdade de expressão do ´povo se manifestando, através da arte, bem de boas com a roda do Encruzilhada do Samba. Em defesa da liberdade, do amor e da alegria, é poesia contrapondo o discurso de ódio, é não dar pódio pra vilania. é celebração de raiz e ancestralidade pra preservar os direitos das minorias, conquistados com tanta dificuldade. é mandinga de periferia botando fé que nessa encruzilhada não tem marcha ré nem saída pela direita, é coisa feita de mulher viada, é macumba da negrada, é batuque das minorias, é capoeira dando pernada pra avançar com valentia.

…”Nesse país que se divide
em quem tem e quem não tem,
sempre o sacrifício cai no braço operário
Eu olho para um lado, eu olho para o outro
vejo desemprego e vejo quem manda no jogo
E você vem, vem, pede mais de mim
diz que tudo mudou e agora vai ter fim,
mas eu sei quem você é e ainda confio em mim
Esse jogo é muito sujo mas eu não desisto assim …

Você me deve … Ah ah ah ah !!!
Malandro é malandro e mané é mané !!!
Você me deve ….
(Bezzera da Silva)

Pra finalizar a noite Muy vaguitos Sound System, do Colectivo Cumbia na Rua com uma line de pura resistência.

#LIBERDADEDEEXPRESSÃO #PARRHESIA
#RESPEITAASMINA
#ENCRUZILHADADOSAMBA
#CUMBIANARUA
#ELENÃO #NÓISSIM
#MAISAMOR #MENOSÓDIO
#liberdadeparanorambuena
#CUIDEDOSEULIXO

LINKS RELACIONADOS:

Ocupa Praça do Aeromovel! Não ao corte de árvores.
Ocupação Pandorga
Ocupação Aldeia Zumbi dos Palmares
Ocupação Mulheres Mirabal
Ocupação Saraí
Ocupação Lanceiros Negros Vivem MLB – RS
Ocupa Oab
Assentamento 20 De Novembro
UtopiaeLuta Assentamento
Abong – Organizações em Defesa dos Direitos e Bens Comuns
Fórum Mundial de Mídia Livre
Fórum Social das Resistências
FSM2016 – Comité Handicap, culture sourde et société sans barrières
FÓRUM SOCIAL MUNDIAL 2018
FSM 2018
Comitê Brasileiro de apoio a Mauricio Hernandez Norambuena

Texto via Facebook
Envie para um amigo!

CATEGORIAS
Contato
para dicas:
para anunciar: