Local:
Museu da Imagem e do Som
Avenida Europa, 158
Jardim Europa - São Paulo
(11) 2117-4777
Horário:
19h30
$
Grátis
Cinema, Música
KYNOFAGYA

KYNOFAGYA é uma celebração multimídia que tem o cinema como módulo pulsante e agregador das demais manifestações artísticas. Com curadoria do artista e diretor ELXVA, a terceira edição do evento conta com a exibição de dois curtas-metragens e duas performances sonoras no MIS.

Sobre os curtas-metragens:

La Danza Invisible / 15min – 2018 | Direção: Lufe Bollini
Recordar é uma forma de voar. Voar de volta: sobrevoar uma vida que se viveu. “La Danza Invisible” trata de um vôo aos entremeios da existência. Este curta documenta o processo de deslocamento realizado por quatro artistas visuais brasileiros, que viajaram, por terra, a Argentina, Bolívia e o Peru. Se o cinema faz nascer deste mundo um fantasma, um duplo, de que forma a imagem pode nos reconectar à experiência real de vida e intensificar nossas leituras de mundo?

RepubliʞA / 8min – 2018 | Direção: ELXVA
Suspiros poéticos, fragmentos sinestésicos e o retrato livre do centro expandido de São Paulo. REPUBLIʞA é um curta-metragem que desenha o contraste de coexistência entre a voz, o grito, o canto, o silêncio e a psykhé dos re-existentes e os multi-ruídos da pólis.

Criação independente e colaborativa concebida através do espectro real e re-eternizada como exercício de expressão imagética e narrativa experimental híbrida ficcional/documental.

Performances Sonoras:

ACAVERNUS – Formado no final de 2013, o ACAVERNUS nasceu da fusão da escrita, vídeo e som. Paula Rebellato fez sua primeira apresentação com a projeção de um vídeo autoral, construindo o som ao vivo. O ACAVERNUS é um organismo vivo e mutável, como a própria criadora. O objetivo principal é o experimento com o som como meio e fim, guiado pelos sentidos e intenções ali colocadas. Tanto o intuitivo quanto o racional caminham juntos, num processo livre de resistência ao trágico exercício da liberdade, do que é entendido como erro. Transita pelos gêneros dark ambient, eletrônico e noise. ACAVERNUS é ritual, magia, memória e esquecimento.

DESENHO CEGO – Desenho Cego é o projeto de sobreposição midiática do multi-artista Carlos Dias. Suas apresentações são sessões de desenho realizadas pelo artista com os olhos vendados. Carlos Dias convida outros artistas e o público a contribuir com a experimentação sonora e visual, que são estimulados a interferir no processo criativo utilizando linguagens como a música e a produção de outros sons e desenhos.

Sobre os diretores:

LUFE BOLLINI – é cineasta e videoartista. Como diretor, a partir do “Confissões de Um Ex-Astro Mirim” (2012) inicia uma série de curtas autobiográficos que se misturam ficção e documentário. Em 2016 lança Fantasma Da Saudade No Vale Da Morte, um curta baseado na sua experiência na Ocupa Ouvidor 63 em São Paulo. Em 2017 seguiu sua pesquisa no Vale do Anhangabaú com o curta “Yomared”, que aborda questões da construção da identidade feminina através de uma jovem mexicana que vive em São Paulo. O curta recebeu os prêmios de melhor montagem, melhor música e melhor atriz no 45 ̊ Festival Internacional de Cinema de Gramado. Dirigiu, atuou, montou e roteirizou a série de TV “Ruas Em Transe'” que aborda as festas de rua em 3 capitais brasileiras. Atualmente desenvolve o projeto de longa metragem “Do Vale a Luz”, onde investiga a história da comunidade polifônica que vive no centro de São Paulo, através da história da arte gerada nessas mesmas ruas como a antropofagia do modernismo brasileiro, a anarquia do cinema de invenção, o xamã futurismo de Roberto Piva e o dionisíaco dark tropicalista do Teatro Oficina.

ELXVA – Allyson Alapont (ELXVA) é diretor de filmes, video-artista e fotógrafo. Nasceu em Porto Alegre em 1988 e trabalha com criação de imagem há 10 anos. Sua primeira série ocorre no boom da street art e da digital art, tendo a arte de guerrilha como base. Logo após, mudou-se para Brisbane (Australia) e iniciou-se em glitch art, que rendeu seus primeiros videoclipes e experimentos audiovisuais. Aos 22 anos, retorna ao Brasil direto para São Paulo, onde aprofundou-se em fotografia e imagemaking – sendo selecionado no programa Mastered with Nick Knight. Neste tempo, realizou trabalhos para os mercados de moda, beleza e publicidade e uma série de fotografia urbana na qual retrata a vida em Hong Kong, Shanghai, Seoul, Melbourne, Sydney e Nova Iorque. Segue ativo em solo brasileiro na direção de videoclipes, curtas-metragens e video-arte. Entre suas produções, destacam-se: ‘O QUE É NOSSO – Reclaiming the Jungle’; ‘Yaws – Feel The Energy’; ‘Ubunto – Tipo Nada’, ‘FurmigaDub – Raggatimosférico’, ‘Edgar – O Amor Está Preso?’.

Sobre os artistas:

CARLOS DIAS – Carlos Dias nasceu em Porto Alegre, em 1973. Seu entusiasmo sempre transitou entre a musica e as artes plásticas, tendo formado as bandas Polara e Againe. Nessa mesma época começou a pintar em telas e suportes de madeira e fez sua primeira exposição em uma casa noturna com curadoria de Carlos Issa. Concentrou seu trabalho na pintura e no desenho, e realizou pequenas exposições, até que foi chamado para trabalhar com a galeria Choque Cultural em 2005, onde permaneceu até 2013 quando migrou pra galeria Logo. Seu trabalho é expresso através de diversos meios como pintura, vídeo, musica, instalação, performance. A intensidade da expressão em todos os suportes é a mesma, e as criações funcionam em camadas sobrepostas. Aprofundou as técnicas de performance experimental que brinda um de seus projetos atuais o “desenho cego”, desconstruindo o analógico e o digital e mesclando a o som, o desenho e a interação das pessoas, despertando e invocando novas formas de sentir e expressar. Ao voltar para São Paulo em 2017, foi envolvido pelo contraste entre os ambientes, possibilitando uma visão aguçada dos aspectos micro e macro do cotidiano, e redirecionando sua forma de expressão artística para formatos mais experimentais e fluidos.

PAULA REBELLATO – é uma artista multifacetada. Em 2010 nasce seu primeiro projeto GUMMA, que explorava as colagens sonoras e as produções/composições de músicas pelo computador. No segundo semestre de 2012 nasce o RAKTA, banda que segue ativa até hoje e passou por diversas turnês em diversos países pelo mundo como Japão, México, Estados Unidos, Europa e Colômbia. No fim de 2013 dá início ao projeto solo ACAVERNUS, no qual começa a explorar a junção do vídeo/filme, escrita e som. Paula segue trabalhando experimentos com vídeos, textos e performance.

Envie para um amigo!

BaladaFestaNoite
Festa Todo Mundo VIP convida Rodrigo BENTO (Pilantragi)
23h
Grátis até 1h; depois: R$ 10
BaladaFestaNoite
Festa Todo Mundo VIP convida Rodrigo BENTO (Pilantragi)
DJ:: 5 ★★★★★ ilustríssimos do Tapete Vermelho da Fama da noche é :: Rodrigo Bento ( da festa Pilantragi) Muita música de alto nível e alto teor saculejante :: Pra BAILAR E SE JOGAR NA PIXXTA FINAMENTE :::: Tropicalistas, Carimbós, Sambas, Cumbias, macumbitas ,RaggaeTon, pop, rock e World music mucho mais No LOUNGE::: _projeto ANIMALIA, […]
LOCAL
HORÁRIO
$
Grátis até 1h; depois: R$ 10
Música
Carlos Rennó e convidados
21h
de R$ 9 a R$ 30
Música
Carlos Rennó e convidados
Carlos Rennó é um dos grandes letristas da música popular brasileira. Seus primeiros parceiros mais importantes foram Tetê Espíndola e Arrigo Barnabé na fase da vanguarda paulistana, início dos anos 80. Na voz de Tetê, por exemplo, a sua canção “Escrito nas Estrelas”, composta com Arnaldo Black, venceu o Festival dos Festivais, da Rede Globo […]
LOCAL
HORÁRIO
$
de R$ 9 a R$ 30
Música
Demônios da Garoa canta Trem das Onze
21h
de R$ 6 a R$ 20
Música
Demônios da Garoa canta Trem das Onze
O grupo canta na íntegra “Trem das onze”, o mais clássico dos LPS, lançado originalmente em 1964. Esse ainda é o disco de maior sucesso do grupo Demônios da Garoa e poderia facilmente ser chamado de “Os Grandes Sucessos de Adoniran Barbosa”, pois 8 das 12 faixas são de autoria do compositor do bairro do Bixiga […]
LOCAL
HORÁRIO
$
de R$ 6 a R$ 20
Happy Hour
Submundo Happy Hour
das 19h às 23h
R$ 5
Happy Hour
Submundo Happy Hour
A equipe HF Sistema de Som apresenta semanalmente: Submundo Happy Hour Raiz e cultura. Música reggae no porão do Morfeus Club. 26/9 – HF + SONORO DUB         #happyhour #dj #festa #hoje #agenda #agendacultural #guia #sãopaulo
LOCAL
HORÁRIO
$
R$ 5
- Mais Uia -
17/09/2015
UiaTV – Rodrigo Campos
Por: Alice Coutinho
No quarto vídeo do UiaTV, Rodrigo Campos finaliza as gravações de seu novo disco Conversas com Toshiro no estúdio da yb music, e fala sobre o processo de criação do disco. Direção, vídeo e edição: Murilo Alvesso Agradecimento: yb music
23/06/2015
Cícero
Por: Ana Clara Martins Tenório
Em uma sexta feira fria na capital de São Paulo, o teatro do SESC Pinheiros era certeza de ser um dos locais mais calorosos para a noite do dia 19 de abril.   Com ingressos esgotados desde o dia de início das vendas, o cantor Cícero apresentou seu novo trabalho intitulado “A Praia” (2015), mas […]