Local:
MASP
Avenida Paulista, 1578
Bela Vista - São Paulo
(11) 3251-5644
Horário:
das 10h às 18h (quinta-feira até as 20h)
$
R$ 35 (inteira); R$ 17 (meia-entrada); Grátis às terças
Artes Visuais, Exposição
Exposição Histórias Afro-atlânticas

A exposição coletiva, “Histórias afro-atlânticas”, reúne, em iniciativa inédita, duas das principais instituições culturais de São Paulo: o MASP e o Instituto Tomie Ohtake. Trata-se de um desdobramento da exposição Histórias mestiças, realizada em 2014, no Instituto Tomie Ohtake, por Adriano Pedrosa e Lilia Schwarcz, que também assinam a curadoria desta nova mostra, junto com Ayrson Heráclito e Hélio Menezes, curadores convidados, e Tomás Toledo, curador assistente.

São mais de 400 obras, cobrindo 5 séculos, com cerca de 210 artistas nacionais e internacionais, de períodos e contextos diversos, ocupam as duas instituições. No Instituto Tomie Ohtake serão duas salas, enquanto o MASP reserva todos os seus espaços expositivos temporários à mostra.

Ao longo de todo o ano de 2018, o MASP dedica seu programa de exposições e atividades às histórias e narrativas afro-atlânticas. Essas histórias não se referem apenas ao período da escravidão, em que populações africanas foram retiradas à força de seu continente para serem escravizadas nas colônias europeias nas Américas e no Caribe, mas fala, sobretudo, dos “fluxos e refluxos”, usando a famosa expressão de Pierre Verger, entre esses povos atlânticos, desde o século 16 até a contemporaneidade. O ciclo teve início em março, e já apresentou Imagens do Aleijadinho, Maria Auxiliadora da Silva: vida cotidiana, pintura e resistência e Emanoel Araujo, a ancestralidade dos símbolos: África-Brasil. No segundo semestre, exibe individuais de Lucia Laguna, Melvin Edwards, Pedro Figari, Rubem Valentim e Sonia Gomes.

Conta com empréstimos de importantes coleções particulares e instituições do mundo todo, entre elas, Metropolitan Museum, Nova York, J. Paul Getty Museum, Los Angeles, National Gallery of Art, Washington, Menil Collection, Houston, Galleria degli Uffizi, Florença, Musée du Quai Branly, Paris, National Portrait Gallery, Londres, Victoria and Albert Museum, Londres, National Gallery of Denmark (SMK), Copenhague, Museo Nacional de Bellas Artes de La Habana e National Gallery of Jamaica

Histórias afro-atlânticas está organizada de forma independente e não-linear entre as duas instituições, não havendo uma ordem correta ou obrigatória a seguir. No Instituto Tomie Ohtake, há duas salas dedicadas à mostra; no MASP, todos os espaços expositivos temporário estão ocupados.

Até 21 de outubro de 2018
De terça a domingo, das 10h às 18h; Quintas até as 20h

Envie para um amigo!

Teatro
O Caderno Rosa de Lori Lamby @ Teatro na Mário
19h
Grátis
Teatro
O Caderno Rosa de Lori Lamby @ Teatro na Mário
Quase vinte anos depois de sua estreia, a peça entra em cartaz novamente na Biblioteca Mário de Andrade com atuação de Iara Jamra e direção de Bete Coelho. Foi Caio Fernando Abreu, conta Hilda, quem primeiro sugeriu a ida da pequena Lorí para os palcos. A atriz Iara diz que o escritor e amigo serviu […]
LOCAL
HORÁRIO
$
Grátis
Happy Hour
Prata da Casa
18h (entrada até as 22h)
Grátis
Happy Hour
Prata da Casa
Começo de semana e aquela playlist envenenada pra dar coragem de viver. Rock, punk, pós-punk, rap e um tanto mais de sons na caixa. Sem DJ, mas com gim tônica tinindo e cerveja trincando.         #happyhour #grátis #sãopaulo #hoje #agenda #agendacultural 
LOCAL
HORÁRIO
$
Grátis
Música
Fabienne Magnant
19h
Grátis
Música
Fabienne Magnant
Violeira e Violonista de Paris, Fabienne Magnant fez várias viagens ao Brasil, que influenciou diretamente em sua trajetória musical. Nestas viagens, estudou e trabalhou com Guerra Peixe e Baden Powel, entre outros. No repertório, Fabienne transita entre composições dos seus 4 CDs, além de músicas de Nazareth, Garoto, Marco Pereira e Gerardo Nuñez. O show […]
LOCAL
HORÁRIO
$
Grátis
Teatro
Epidemia Prata
20h
Grátis
Teatro
Epidemia Prata
Na madrugada do dia 16 de outubro de 2016 o coletivo de artistas e educadores (Cia Mungunzá de Teatro) aportou/ocupou com 10 contêineres marítimos um terreno público em desuso na Região Central de São Paulo. Motivados pela construção de novos formatos de convivência, o grupo criou o “Teatro de Contêiner Mungunzá”. Lugar de utopia. Em […]
LOCAL
HORÁRIO
$
Grátis
- Mais Uia -
17/09/2015
UiaTV – Rodrigo Campos
Por: Alice Coutinho
No quarto vídeo do UiaTV, Rodrigo Campos finaliza as gravações de seu novo disco Conversas com Toshiro no estúdio da yb music, e fala sobre o processo de criação do disco. Direção, vídeo e edição: Murilo Alvesso Agradecimento: yb music
23/06/2015
Cícero
Por: Ana Clara Martins Tenório
Em uma sexta feira fria na capital de São Paulo, o teatro do SESC Pinheiros era certeza de ser um dos locais mais calorosos para a noite do dia 19 de abril.   Com ingressos esgotados desde o dia de início das vendas, o cantor Cícero apresentou seu novo trabalho intitulado “A Praia” (2015), mas […]