Faça sua própria rádio
Por: Luciano Malásia
09 de novembro de 2015

rádio MalásiaHá uns dias li um artigo da socióloga Maria Tereza Leme Fleury que falava a respeito da “uberização dos negócios”. Tendo como ponto de partida a recente polêmica envolvendo o Uber e os taxistas, ela afirma que estamos vivendo um momento de inovações no design de negócios e no perfil do trabalho causados pelas novas tecnologias que surgem a cada dia.

 

Trazendo isso para o campo da comunicação, que é uma área que muito me interessa, vemos velhas fórmulas e conceitos sendo descartados e mudando muito rapidamente. Sou muito interessado em rádio, meu grande amigo invisível, e acompanho bem de perto as mudanças que este veículo de comunicação tem sofrido através dos tempos.

 

Desde muito pequeno costumava ganhar radinhos de pilha e com eles embarcava nos programas, conhecia novos sons e ampliava meu horizonte no mundo das cavernas que vivia no final dos anos 70 do século passado.

 

Apesar deste amor ter sido abalado com o surgimento do walkman nunca abri mão da rádio FM. Essa velha amiga nos acompanhava a todos os lugares e chegava a retardar minhas saídas noturnas para acompanhar um programa que gostasse muito. O romance evoluiu mais ainda quando passei a ter meu meu próprio programa em uma rádio FM em Porto Alegre.

 

A Ipanema fez história durante 30 anos por ser uma voz dissonante no dial num momento em que a concorrência era dominada pelo jabá. Hoje em dia ela retransmite programação de uma outra emissora AM em que só se fala basicamente sobre futebol e seu tradicional público ficou órfão da sua rádio favorita, transformada em um playlist impessoal que se acessa através de um aplicativo.

 

Hoje em dia, com tantas opções virtuais para se ouvir música, as rádios de formato tradicional têm se tornado emissoras de serviço ou migraram para o futebol, que movimenta muito dinheiro no Brasil.

 

Mas de forma alguma acredito que a rádio esteja morrendo. Bem pelo contrário. Dezenas de rádios virtuais têm surgido a cada dia, com ótimos programas e formatos variados. Pretendo fazer um texto sobre isso de maneira mais detalhada no futuro, mas gostaria de falar de uma experiência muito legal que tive com os jovens do Instituto Verdescola na Barra do Sahy.

 

O Verdescola é uma ONG que está encravada em uma comunidade carente na beira da Rio-Santos, quase na entrada desta paradisíaca praia do litoral norte de São Paulo. Há menos de um ano essa ONG construiu uma nova sede, que atende uma média de 800 pessoas por mês. Crianças jovens e adultos que vivem uma realidade de vulnerabilidade social têm oportunidade de vivenciar atividades socioeducativas que abrem oportunidades de crescimento pessoal, educação e cultura e os preparam para o mercado de trabalho, além de despertar uma consciência com a preservação do meio ambiente.

 

Dentro desta estrutura existe um centro de comunicação que viabiliza experiências educacionais de caráter multidisciplinar, em que os alunos da comunidade vivenciam atividades de jornalismo, fotografia, informática, redação, vídeo, artes e música.

 

Tenho um amigo educador que trabalha neste núcleo e me convidou para o que seria uma palestra para falar sobre minha experiência para os jovens. Durante o processo vimos muitos jovens criativos e capacitados e notamos que faltava um canal para eles botarem para fora toda essa energia.

 

O pessoal do núcleo lançou a ideia de fazer uma rádio experimental para ajudar a promover um mutirão de limpeza da Vila Sahy, que é o local onde fica esta ONG.
Essa experiência foi o máximo! Montamos uma oficina onde demos alguns conceitos básicos de como funciona uma rádio e montamos um estúdio dentro de sala da aula para que eles pudessem manusear microfone, texto, música e simular a transmissão de um programa que eles mesmos criaram.

 

A vivência foi muito dinâmica e divertida, mas o objetivo era levar essa rádio para dentro da comunidade. Como não tínhamos condições técnicas de transmitir e o local é uma comunidade carente, montamos nossa rádio experimental em um bar na esquina mais movimentada do lugar, no intuito de mobilizar a comunidade a participar do mutirão de limpeza, e também dando pequenos recados e tocando muita música.

 

A Rádio Verde Vila foi um sucesso e a molecada aderiu em peso. O próximo passo da jornada é montar a rádio de forma permanente dentro da ONG e usar os próprios alunos como material humano para essa empreitada. Mas esse é um assunto para outro post.

 

A moral da história é essa: Quer fazer? FAÇA!

 

Quer saber mais sobre o trabalho do Verdescola? Se joga: www.verdescola.org.br.

Envie para um amigo

Quer comentar? 01
Sylvio Ayala
09 de novembro de 2015
Até a próxima Mestre Malásia! Abram alas e microfones. Abç!

FestaMúsicaNoite
Baile do Tim @ Tu Vens Tu Vens
21h
R$ 20 na lista; R$ 30 na porta
FestaMúsicaNoite
Baile do Tim @ Tu Vens Tu Vens
Sucesso em diversas cidades, a Tu vens tu vens vai homenagear o mestre Tim Maia no Z Carniceria, com o QUARTETO SÃO JORGE. Pérolas como: Descobridor dos Sete Mares, Réu Confesso, Vale Tudo, Você, Ela partiu, Imunização Racional (Que Beleza), Bom Senso, Primavera, Não quero dinheiro, Do Leme ao Pontal, e diversos outros tantos sucessos […]
LOCAL
HORÁRIO
$
R$ 20 na lista; R$ 30 na porta
Música
Nação Zumbi
21h30
de R$ 12 a R$ 40
Música
Nação Zumbi
A banda pernambucana Nação Zumbi está em vias de lançar mais um novo álbum. Desta vez eles têm a ousadia de revisitar,  com todo o respeito que a situação exige, clássicos que lhes influenciaram e fazem parte da  sua alquimia rítmica/harmônica. Intitulado Radiola NZ o disco nos traz versões peculiares de todo o espectro da […]
LOCAL
HORÁRIO
$
de R$ 12 a R$ 40
Música
Chico Pinheiro
22h
R$ 35
Música
Chico Pinheiro
Um dos nomes mais celebrados da música brasileira contemporânea, o guitarrista, compositor e arranjador hoje radicado em Nova York, volta ao JazzB para apresentar a segunda edição do projeto ESCUTA, onde traz ao palco alguns dos mais talentosos músicos da atual cena instrumental do país. Chico dirige o encontro e participa da noite especial. “Se […]
LOCAL
HORÁRIO
$
R$ 35
FestaNoite
Festa Sossega Minha Boca
23h
R$ 25
FestaNoite
Festa Sossega Minha Boca
Música brasileira a rodo, umas cumbia, tropicalia, musicas de beijo, suor e cerveja, uns rock e pop 80 e 90, world music, e toda calência e tremência da Nossacasa. DJs: Bodão Bode / Obá Amar / Brito Andrade
LOCAL
HORÁRIO
$
R$ 25
- Mais Uia -
17/09/2015
UiaTV – Rodrigo Campos
Por: Alice Coutinho
No quarto vídeo do UiaTV, Rodrigo Campos finaliza as gravações de seu novo disco Conversas com Toshiro no estúdio da yb music, e fala sobre o processo de criação do disco. Direção, vídeo e edição: Murilo Alvesso Agradecimento: yb music
23/06/2015
Cícero
Por: Ana Clara Martins Tenório
Em uma sexta feira fria na capital de São Paulo, o teatro do SESC Pinheiros era certeza de ser um dos locais mais calorosos para a noite do dia 19 de abril.   Com ingressos esgotados desde o dia de início das vendas, o cantor Cícero apresentou seu novo trabalho intitulado “A Praia” (2015), mas […]